segunda-feira, 29 de janeiro de 2007

Estuário do Severn

Andarilho
.


Algumas pessoas diriam que este tipo de paisagem não se enquadra nos seus parâmetros de beleza. A minha mãe seria mais peremptória: que feio!, filho. A ausência de verde e a desolação do horizonte facilmente incutirão alguma tristeza no observador. Puro engano, caros leitores. Esta paisagem enlameada e estéril é sublime.
.
Estamos perante o cenário da maré baixa no estuário do Severn (maior rio britânico, com 354 quilómetros de extensão), canal de Bristol, Inglaterra, onde a amplitude das marés chega a atingir os 13 metros - só ultrapassada, em todo o mundo, pelas da Baía de Fundy e de Ungava, no Canadá.
.
Tirei estas fotografias em Weston-Super-Mare, em Março de 1993. Alguns espíritos trocistas referem-se a esta estância balnear do norte de Somerset por Weston-Super-Mud, tal é a quantidade de lama com que deparamos. Lama esta que, de profunda, já tirou a vida a muitos incautos que tentam chegar à linha de água (muitas vezes a quase dois quilómetros da costa) caminhando; muitos também já ficaram com as suas viaturas destruídas por as conduzirem para além dos limites estabelecidos. Weston-Super-Mare é um centro turístico muito frequentado na época estival, sendo as suas maiores atracções o Pier, as carruagens de burros para transporte de turistas ao longo da costa e, por falta de outras, as suas praias.
.
As imagens que se seguem foram registadas do outro lado do estuário, no porto de Cardiff, País de Gales, onde o cenário é igualmente desolador, mas belo. A saída e entrada dos barcos no porto têm que ser efectuadas a horas precisas, geralmente durante a noite. Aqui podíamos visitar o Welsh Industrial and Maritime Museum, agora trasferido para o novo National Waterfront Museum, em Swansea. A cidade de Cardiff tem como principal atracção o seu castelo e o novíssimo (e para mim ainda desconhecido) Stadium Y Mileniwm, Parc Yr Arfau, Caerdydd ou The Millennium Stadium, Cardiff Arms Park, Cardiff, palco dos principais eventos desportivos do País de Gales e por muitos considerado o mais belo estádio do mundo.
.
Mas é a beleza inóspita do estuário do Severn que marca a diferença neste recanto costeiro da Grã-Bretanha. E num mundo em que as diferenças entre as paisagens naturais ou construídas não abundam ou se esbatem cada vez mais, é disto que a alma se alimenta.
.


2 comentários:

hihi0926 disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
ladeng012 disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.