sábado, 2 de junho de 2007

Solar do Bacalhau, Valença

Aqui Bem Se Come
.
Encontram o restaurante Solar do Bacalhau dentro das monumentais muralhas de Valença, com acesso por duas das ruas que conduzem à Pousada São Teotónio.
.
As instalações são modernas e amplas, com bastante luminosidade. O atendimento é muito bem educado e eficiente. Os empregados de mesa trajam as cores predominates no estabelecimento, patentes no cartão de apresentação.
.

.
Cheguei pela uma da tarde. Acedi ao piso superior, apenas com uma das mesas ocupadas. Entretanto, com o aproximar da hora de almoço espanhola, a sala foi-se aconchegando de calor humano. Inevitavelmente, vinham todos pelo bacalao português, que, suspeito, ocupa o primeiro lugar nas prioridades dos nossos vizinhos galegos - e espanhóis em geral - quando se deslocam a Portugal. E fazem muito bem.

Os 19 euros do bacalhau assado na brasa (não serviam meia dose, o que é uma lacuna) afastaram-me para os filetes de bacalhau com arroz de feijão, a uns mais simpáticos doze euros. O que se revelou uma excelente segunda escolha: 4 filetes generosos que satisfariam duas pessoas e um arrozinho de feijão delicioso, soltinho como manda a lei, e que despachei todinho, todinho; os filetes desfaziam-se na boca, como se esperava.

Antes do prato principal, provou-se uma chamuça de carne de aves (assim parecia) e sabores orientais (talvez um pouco de caril e açafrão), que abriu bem o vinho branco da casa: O Regedor, engarrafado por Manuel de Oliveira, V. N. Famalicão. Uma pinga levezinha e de sabor frutado q.b., como pede o excelentíssimo fiel amigo. A broa de excelente qualidade também não ficou abandonada, como se calcula.

Rematou-se tudo com um Bicafé razoável e dezoito euros e sessenta cêntimos, que se justificaram.

À mesa: O Viandante

Serviço: bom
Ambiente e decoração: muito bom
Higiene: muito bom
Preço: razoável
Avaliação geral:
8/10
.

4 comentários:

António Nunes disse...

Concordo em pleno e aconselho o seu sitio para que se tenha uma ideia real do local equipa e espaço e que vale apena visitar...
um abraço a todos e bom apetite!
http://www.publivaleminho.com/solardobacalhau/entrada.html

Henrique disse...

Sou Henrique Neves de Aveiro e juntamente com a famílis jantamos neste simpático restaurante. Simpaticos são tambem os proprietários oriundos de Ilhavo. O bacalhau á Solar é explêndido bem como o restante. Aconselho a quem visite Valença. Jhenriqueneves@gmail.com

Portela disse...

Estive em 13.12.2009 neste restaurante e a minha apreciação não é coincidente com as anteriores.

O serviço era eficaz mas pouco simpático.

O bacalhau com broa provocou sensações ambivalentes. O peixe era de boa qualidade (dimensão e cura) mas estava confeccionado de forma insatisfatória para um restaurante da especialidade.

O preço era algo exagerado para as quantidades servidas e a carta de vinhos estava muito inflaccionada.

Apesar de não ser um local a evitar, creio que não voltarei.

MANHENTE disse...

Olá, Portela!

Obrigado pelo comentário, que, lamentavelmente, subscrevo. Regressei ao Solar do Bacalhau há uns meses atrás. Não para uma refeição, porque a hora era de comeres mais leves, mas para um bolinho de bacalhau e um fininho. O serviço foi péssimo, ostensivamente preocupado apenas com a clientela espanhola. Apeteceu-me deixar tudo na mesa e sair, não fossem os bolinhos de bacalhau (sim, era mais que um :-), que até estavam bons. Mas caríssimos! (o verão e os espanhóis não podem justificar tudo).

Como se depreende da sua mensagem, há muitos e bons lugares onde já se come bem e barato em Portugal, por isso o serviço é um dos elementos que pode fazer a diferença nas nossas escolhas.

Tudo de bom e obrigado pela visita.